sexta-feira, 2 de março de 2012

Tarte de maçã Popina


O passado fim de semana podia ter sido temático. E o tema poderia ser Popina. Pois bem, a propósito disso vou contar-vos uma pequena história. Decorria o ano de 1999 e estava eu a estagiar em Londres A minha casa situava-se 2 ruas acima do famosíssimo Portobello Market, que eu percorria de fio a pavio, principalmente a zona mais próxima de Goldborne Road, onde se podem encontrar as Patisserie Porto e Lisboa. Pois bem, numa das minhas frequentes deambulações pelo mercado, descobri uma banca que servia comida maravilhosa: tartes, queques, bolos, quiches, tudo com um aspecto absolutamente delicioso. Anos mais tarde, mais precisamente em 2011, dou comigo numa livraria a folhear um livro intitulado "Popina: iguarias saudáveis". E fui namorando este livro durante meses, perdida na decisão de trazer para casa mais um de culinária a juntar a tantos outros. Até que, no fim de Fevereiro de 2012 aproveitei uns talões de desconto e trouxe-o para casa comigo. E qual não foi o meu espanto ao ler na introdução da Isadora Popovic (fundadora da Popina) a seguinte frase: "Eu fundei a Popina em 1999 .... tive uma oportunidade única quando, após uma grande espera, surgiu um espaço no mercado de Portobello, em Noting Hill."
"E esta, hein?"


Tarte rústica de maçã e canela
(adaptado de Popina: Iguarias Saudáveis)

90g de açúcar amarelo refinado
1 ovo
40ml de óleo de amendoim
55ml de leite magro
140g de farinha
1 c. chá de fermento
1/2 c. chá de canela
1 maçã Granny Smith

Pré-aquecer o forno a 180º C.
Colocar o açúcar e o ovo numa tigela e msiturar com a batedeira. Adicionar o óleo, o leite, a farinha, o fermento e a canela e misturar até os ingredientes estarem bem incorporados. Transferir para uma forma revestida com papel vegetal untado e espalhar uniformemente. Descaroçar e cortar a maçã em fatias finas e dispor por cima da massa. Levar ao forno durante cerca de 30 mins ou até que a tarte fique com um intenso tom dourado.


Opcional: barrar a tarte com 2 colheres de sopa de doce de damasco.



English:

Popina's Rustic Apple Pie
(adaptaded from Popina Iguarias Saudáveis)

90g demerara sugar
1 egg
40ml peanut oil
55ml skimmed milk
140g flour
1 tsp yeast
1/2 tsp cinnamon
1 Granny Smith apple

Pre-heat the oven at 180º C.
Mix the sugar with the egg. Add the oil, milk, flour, yeast and cinnamon and mix well all the ingredients. Transfer to a greased paper coated cake pan and spread equally. Take the apple's core, slice and place on top of the dough. Leave in the oven for 30 mins or until the pie has an intense golden color.


19 comentários:

  1. Está cada vez mais interessante este blogue! :)

    ResponderEliminar
  2. Que tarte maravilhosa! Gostei da história e gostei mesmo muito da receita!
    Beijinhos e bom fim de semana:)

    ResponderEliminar
  3. Eu tenho esse livro maravilhoso cheio de deliciosas receitas e fotografias de cortar a respiração. Que sorte teres visto bem de perto o cenário original :) Que máximo!
    As receitas que já experimentei gostei. E esta está linda!
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  4. FICOU UMA TARTE DE MAÇA, LINDA .
    GOSTEI DA HISTORIA...
    BOM FIM DE SEMANA
    BJS

    ResponderEliminar
  5. Parece um cruzamento entre bolo/shortbread/tarte :)

    Ficou excelente, e deve ser muito saborosa :)

    ResponderEliminar
  6. Adorei a tua tarte, tem uma apresentação linda ! hummm e essa massa ... :))
    Beijinho e bom fim de semana !!!

    ResponderEliminar
  7. Que bela experiência!
    Essa torta tem um aspecto delicioso!
    Te desejo um ótimo domingo.
    Bjim
    Léia

    ResponderEliminar
  8. A tarte está tão bonita!
    Os meus parabéns, eu já comia uma bela fatia!

    ResponderEliminar
  9. É impressão minha ou mudaste a decoração da tua cozinha ☺!
    Que bonita tarte, e bem que eu ia até à Londres... vou contentar-me com esta tua tarte de aspeto maravilhoso!!
    Bjinhos e bom domingo!!

    ResponderEliminar
  10. olá :) gosto muito de tarte de maçã, parece estar deliciosa, essa receita nunca fiz, a minha é diferente!
    gostei muito da última fotografia ;)
    beijinhos e uma óptima semana

    ResponderEliminar
  11. Esse livro tem tantas iguarias deliciosas que é dificil escolher.
    A tua tarte ficou muito bonita
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  12. diferente mas super apetitosa mesmo!!!

    ResponderEliminar
  13. Que maravilha de tarte. Afinal coincidências existem sim...
    Beijinhos e boa semana,
    Lia.

    ResponderEliminar
  14. Como diz a minha avó "Já tinha que ser"!
    E nós por pouco não aceitávamos o convite para as francesinhas mais cedo do que esperávamos. Iamos a um concerto ao Porto e de passagem por Portugal aproveitávamos para ver a minha família, bilhetes esgotados...
    fica para a próxima :(

    ResponderEliminar
  15. Parece-me muito bem=) Adoro Londres e Notting Hill e os seus mercados então nem se fala=)Gostei de ouvir a coincidência e não conhecia o livro mas acho que vou guardar na memória! beijinho

    ResponderEliminar
  16. Esta tarte está 5 estrelas
    As imagens falam por si...perfeita!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Mmmmm....Que óptimo aspecto!
    Bjocas

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita :)